Monumentos do Algarve Bons Momentos Promontório de Sagres Património Cultural Imaterial Portal Cultura Portugal

Lídia Jorge vai ser convidada para o Conselho de Estado


Foto:Diana Quintela / Global Imagens /Diário de Notícias

A escritora algarvia Lídia Jorge vai ser convidada pelo Presidente da República para o Conselho de Estado. Irá ocupar o lugar deixado em aberto pelo filósofo Eduardo Lourenço. A notícia foi avançada pelo Diário de Notícias.


Lídia Jorge, nasceu em 18 de Junho de 1948, em Boliqueime (Loulé) e é uma das escritoras portuguesas mais galardoadas da atualidade. Ao longo da sua carreira recebeu vários prémios, nomeadamente: Prémio Ricardo Malheiros (1980), Prémio Literário Município de Lisboa (1982, 1984), Prémio Bordalo de Literatura da Casa da Imprensa (1995, 1998), Prémio D. Dinis (1998), Prémio P.E.N. Clube Português de Novelística (1999), Prémio Máxima de Literatura (1999), Prémio Jean Monet de Literatura Europeia, Escritor Europeu do Ano (2000), Grande Prémio de Romance e Novela APE/DGLB (2002), Prémio Literário Casino da Póvoa (2004), Prémio Internacional Albatroz de Literatura da Fundação Günter Grass (2006), Prémio Luso-Espanhol de Arte e Cultura (2014), Prémio Vergílio Ferreira (2015) e Prémio Urbano Tavares Rodrigues (2015) e o Grande Prémio de Literatura dst (2019).


Foi condecorada com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique de Portugal (9 de Março de 2005) e com a distinção de Dama da Ordem das Artes e das Letras de França (13 de Abril de 2005).


A tomada de posse para o segundo mandato do Presidente Marcelo Rebelo de Sousa terá lugar no dia 9 de Março, formando um novo Conselho de Estado.

8 de março